Histórias que (sempre) se cruzam.
Há um pouco mais de um mês atrás, participando de um grupo de WhatsApp Black Pages Brasil coordenado pela minha amiga Daise Rosas Natividade, vi um anúncio de um casting aberto (teste) para modelos em Londres para um evento que se chamava Africa Fashion Week London (AFWL).

Como hoje moro em Paris, pensei vou lá verificar isso… Então peguei o busão mesmo e fui. 8 horas de viagem, como Rio x SP, mas com a polícia federal no meio rsrs…

Chegando no teste, já me senti maravilhada de ver toda aquela negrada bonita, tão bonita que eu ficava tonta observando todos e tudo que se passava. O desfile começava ali. Tinham fotógrafos, bloggers, scouters e tudo mais que poderia imaginar. Fiz o teste, quase esquecendo do meu real desejo, que era de participar como modelo, pois sabia que os que fossem escolhidos realmente representariam bem a gente. Tudo isso aconteceu de um sábado pra domingo.

Ansiosa para o resultado, Mercúrio em Marte ou Marte em Mercúrio retrógrado aconteceu e olha passei um sufoco: telefone escangalhou, troquei de aparelho 2 vezes, troquei de número de WhatsApp ((inclusive anotem +33 7 78 56 83 36))… Sei que a comunicação ficou fora.

Recebi a resposta por e-mail que eu tinha sido selecionada. Ufa !!!
A partir daí, passamos a organização da viagem…
Acomodação, passagens e mala!!!

Foram 2 dias de fittings (prova de roupa) e 2 dias de desfiles.
Os dias de fittings mais do que somente experimentar roupas, pude conhecer modelos incríveis que falavam inglês, francês e português. Foi uma bagunça muito boa, né Nafi Diallo, Aïda OuroGift NyakutaMisty – The Brand, Raquel?

Sexta-feira, dia 10.08.2018 – Dia do desfile e lá, pra minha supresa, encontro Tenka Dara.

Há 4 anos atrás (pra quem lembra), eu começava minha carreira de modelo, e fiz um dos meus primeiros ensaios com a marca Baobá Brasil com fotografia do Steph Munnier.

Através disso, conheci a Ada, brasileira, angoleira que é embaixadora da Africa Fashion Week Brasil – AFWBR e colabora nesse evento desde já. O Brasil estava em Londres !!! Eu estava em casa!!! Na Freemasons’ Hall !!!

A equipe de maquiagem formada por mulheres assinada pela Abbie-May, onde eu fiquei aos cuidados das Aleroh Beauty & Artistry com a Yazglow_mua e Ella Rebecca Carter-Allen, foram sensacionais, fotógrafos … pra cima e pra baixo, comida pra cima e pra baixo (lá se foi minha dieta), cabelos assinados pelo Allan Henry, com direito a aplicações, tranças. Tudo de muito bom gosto.

Crédito: Ana Paula https://www.instagram.com/ovofrito/

No total dos 2 dias foram 42 desfiles com mais de 60 designers apresentando suas coleções e eu fiz 15 desfiles Afrodite, AWA Kermel, Baobá-Brasil, Catherine-Monique, De Velasco Gallery, Diamanté Verde, Ladynangasu, Ganyiat, Lady Biba, Nedim Design Style, Queen Diambi, Sista by Eyoro, S O B O Y E, Tobams Colors, (e faria mais se eu pudesse).

Todos muito diferentes, muito criativos alguns com técnicas de pintura, wax/capulana, pedraria… em comum: o colorido e a vida em cada coleção. Por mim sairia da passarela com a roupa e ia pra casa. Queria tudo, olho grande né? Nãooooo Fiquei emocianada mesmo.

 

O público era um outro show a parte. Entre Diretores de revistas de moda, estilistas, fotógrafos também tínhamos presenças VIPs como a rainha Queen Diambi Kabatusuila da República do Congo (que esteve no Brasil em Junho), o rei Adeyeye Enitan Ogunwusi da Nigéria e princesas.

Aliás foi uma princesa chamada Ronke Adeyemi que idealizou o AFW em 2011 e organizou o Africa Fashion Week London 2018.
Pra não me alongar muito nessa história… No momento, só penso em agradecer a todos que participaram e tornaram possível esse evento e a minha presença nele.

Deixo registrado algumas fotos pra vocês entenderem a excelência do nosso povo! O negro é lindo!

Obs.: Ano que vem o evento vai acontecer no Brasil #AFWB e será que a minha história cruzar com a sua ?

Beijos